Japoneses inventam o transmissor de beijos

Com a língua, uma pessoa pode simular um beijo em um sensor; do lado oposto, outro aparelho acompanha os movimentos.





Os japoneses têm fama de sempre inventar aparatos curiosos, e a última novidade do Laboratório Kajimoto é mais um exemplo de que a criatividade japonesa não tem limites. Trata-se de um “dispositivo para comunicações dentro da boca”. Em outras palavras, um aparelho para transmitir a sensação de um beijo.

O Kiss Transmission Device tem formato de cubo e um sensor que lembra um canudo. Imagine um casal separado fisicamente por alguma razão. De um lado, um pombinho gira o sensor com a língua; do lado oposto, o outro aparelho acompanha os movimentos.

Tudo o que o dispositivo utiliza são rotações motorizadas controladas pelo computador em um sistema chamado “controle bilateral”, o que quer dizer que os comandos para virar os sensores de um lado para outro são enviados reciprocamente pelos dois apaixonados.

Se você acha que a novidade para por aí, está enganado. O Kiss Transmission Device também é capaz de gravar um beijo. Melhor dizendo: gravar os valores das informações relacionadas à posição do sensor. O dispositivo reproduz a sensação de gosto, a maneira com a qual a pessoa respira e até a umidade da língua.




Fonte

0 comentários :

Postar um comentário